Vila Franca do Campo – A Memória e o Legado do Tempo

O Roteiro Cultural intitulado Vila Franca do Campo/A Memória e o legado do Tempo, decorreu no passado dia 13 de fevereiro, contando com a participação de cerca de 150 pessoas, entre elas, o Representante da República para a Região Autónoma dos Açores, Embaixador Pedro Catarino.

O Roteiro foi comentado pelo historiador, Dr. José de Almeida Mello, e teve início com uma Visita ao interior do Convento de São Francisco, incluindo a Igreja de Nossa Senhora do Rosário.

Ao longo do percurso do roteiro, foram visitados locais de culto como a Igreja de São Pedro, onde o Dr. Carlos Melo Bento, falou sobre Vila Franca do Campo e os primeiros tempos do povoamento da ilha de São Miguel, a Igreja Matriz de São Miguel Arcanjo, na qual o Dr. José de Almeida Mello, dissertou sobre O património religioso de Vila Franca do Campo ou a Igreja de Santo André, em que o Dr. Paulo Gusmão se debruçou sobre os Botelho e a Vila Franca do Campo.

Outro dos locais visitados foi o Salão Nobre dos Paços do Concelho, no qual o Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca do Campo, Dr. Ricardo Rodrigues, afirmou estar orgulhoso por poder mostrar o que o Concelho possui a nível cultural e a beleza do património deixado pelos antepassados.
O Autarca lembrou que as dificuldades de hoje nada são comparadas com as dificuldades dos antepassados Vilafranquenses que, por exemplo, tiveram de reconstruir o Concelho depois do terramoto que o destruiu em 1522 e destacou as vantagens da posição geográfica central na ilha de São Miguel.
Ricardo Rodrigues vincou que a preocupação primordial de quem dirige os destinos de um Município tem de ser os cidadãos locais, com atenção especial ao mais necessitados, mas também importa saber receber quem visita Vila Franca do Campo e preservar e cuidar do património local que nos diferencia dos demais.

Ainda integradas no Roteiro, estiveram passagens pelo Jardim Dr. António da Silva Cabral, pelas casas do padre Ernesto Ferreira e de Armando Cortes Rodrigues, bem como visitas à Igreja do Espírito Santo (Misericórdia), à Ermida de Santa Catarina e ao Solar dos Viscondes do Botelho.